Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Nasce-se gay? A pergunta anda no ar em Santiago do Chile

Campanha contra a discriminação dos grupos homossexuais invadiu as ruas de Santiago do Chile, mostrando que os chilenos estão menos conservadores.

Ana Soromenho (www.expresso.pt)

Um homem encosta a cara na barriga nua de uma mulher grávida e na frase que acompanha a imagem pode ler-se: "Nasce-se homossexual?" Este e outros cartazes igualmente desafiadores - como por exemplo o de duas mulheres a beijarem-se - fazem parte de uma campanha contra a discriminação dos homossexuais que esta semana ocupou as ruas de Santiago do Chile e têm causado polémica num país com fama de ser bastante conservador.

Esta campanha, financiada pela embaixada da Holanda, tem como objectivo alertar para a discriminação a que são sujeitos os grupos de homossexuais neste país da América do Sul, mas também mostrar que na capital do Chile começa a haver uma abertura em relação ao tema e que as coisas podem mudar.

Na última campanha eleitoral no país, que elegeu p presidente de direita Sebastián Piñera, discutiu-se sobre a legislação das uniões de facto e até a possibilidade de casamento entre pessoas do mesmo sexo e até o presidente milionário surpreendeu os chilenos ao incluir na sua campanha televisiva um par "gay".