Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Bragaparques exige €350 milhões a Costa

Empresário Domingos Névoa pede em tribunal uma indemnização pelo fim dos negócios da Feira Popular e Parque Mayer.

O grupo Bragaparques fez entrar a 30 de outubro, num tribunal arbitral, a petição que exige à Câmara de Lisboa uma indemnização de cerca de €350 milhões pelos lucros que deixou de ter pelo falhanço do negócio Feira Popular/Parque Mayer.

Em janeiro, a autarquia aceitou pagar €102 milhões como devolução de montantes já despendidos por Domingos Névoa (aquisições, impostos municipais e emolumentos). Serão pagos em 10 anos, com juros que podem ascender a €29,5 milhões. Fora do acordo ficaram pontos que transitaram para um tribunal arbitral. É aí que a Bragaparques exige agora mais €350 milhões, montante anunciado em fevereiro por Névoa.

Hernâni Portovedo, diretor-geral da Bragaparques, confirmou a entrega da petição, mas recusou dar mais informações: "Não vamos fazer comentários". Já a autarquia não deu resposta ao Expresso.

A verba pedida por Névoa, metade do orçamento da autarquia para 2015, é muito superior às piores previsões da Câmara: no início do ano, Costa admitiu que num cenário pessimista pagaria mais €50 milhões. A decisão do tribunal só deverá ser conhecida no verão. Assim, a notícia cairá em cheio na pré-campanha para as eleições legislativas.