Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Escola do Porto pergunta a alunos de 9 anos se sentem atração por homens, mulheres ou ambos

Ministério da Educação diz estar a apurar informação junto da Escola Básica Francisco Torrinha, no Porto, e garante que o inquérito em causa é um “caso isolado”

Alunos do 5.º ano da Escola Básica Francisco Torrinha, no Porto, receberam na sala de aula um inquérito em que tinham de responder se namoravam atualmente, se já tinham namorado antes e se sentiam atraídos por homens, mulheres ou ambos.

O Expresso não conseguiu entrar em contacto com a direção do Agrupamento Garcia d'Orta, ao qual pertence a escola. Mas o Ministério da Educação já confirmou estar a pedir mais informações sobre o documento, a quem foi aplicado e em que circunstâncias.

A tutela também garante que não recebeu nenhum pedido de autorização para a recolha de dados sobre os alunos na escola e que se trata de um "caso isolado".

O documento começou a ser partilhado nas redes sociais, não sendo visível qualquer símbolo da escola ou outra organização. No alto da folha, apenas aparece a indicação "ficha socioeconómica", sendo ainda pedida a nacionalidade do aluno.