Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

MAI diz que “tudo deve ser apurado” no caso de Pedrógão Grande

Em relação aos incêndios de Pedrógão Grande, o ministro da Administração Interna garante que o caso não põe em causa o funcionamento, nem a confiança na Proteção Civil. Eduardo Cabrita diz que está tranquilo e sublinha que as instituições estão a funcionar. Recorde-se que entre os acusados no inquérito estão também comandantes da Proteção Civil

  • Os 694 crimes que mataram 64 pessoas em Pedrógão

    Os três arguidos da Proteção Civil e os dois da EDP são os mais visados pelo DIAP de Leiria. Acusação divide-se entre os crimes de homicídio por negligência e os de ofensa à integridade física por negligência

  • MP acusa doze responsáveis por crimes de homicídio por negligência e de ofensa à integridade física por negligência na investigação aos incêndios de 17 de junho do ano passado que mataram 66 pessoas na região centro. Três autarcas e três responsáveis da Proteção Civil entre os arguidos