Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Falta de videovigilância nas escolas preocupa professores

O Ministério da Educação garante que as aulas não vão começar sem videovigilância. Depois das notícias de que o contrato entre o Estado e a empresa de segurança tinha chegado ao fim, a secretária de Estado afirmou este sábado que o problema vai estar resolvido a tempo do início do ano letivo. Apesar disso, os professores mostram-se preocupados com a falta de monitorização.