Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Devemos temer a Inteligência Artificial?

ANDRZEJ WOJCICKI/SCIENCE PHOTO LIBRARY

Carros autónomos. Robôs que ameaçam os nossos empregos. Computadores capazes de escrever poesia, compor música ou dominar jogos de tabuleiro complexos. A inteligência artificial é o novo Santo Graal, mas será uma ameaça para o futuro da Humanidade?

Quem visita Manuela Veloso na Universidade Carnegie Mellon, em Pittsburgh, nos EUA, tem um guia à sua espera para o acompanhar ao laboratório da investigadora, uma das líderes mundiais na área da inteligência artificial (IA). Só que o anfitrião não é de carne e osso. Ao invés, é um dos CoBots criados pela portuguesa, diretora do departamento de Machine Learning (aprendizagem automática) da prestigiada universidade. Quando encontram alguma dificuldade no percurso, estes robôs colaborativos param e pedem ajuda a um humano — por exemplo, para carregar no botão de um elevador, já que não têm braços —, aquilo a que Veloso chama “autonomia simbiótica”. Pode parecer uma limitação, mas para a cientista é a chave do futuro que se anuncia, onde máquinas dotadas de IA libertarão as pessoas de tarefas mais rotineiras (como conduzir um automóvel) e as ajudarão a resolver muitos problemas quotidianos.

É um admirável mundo novo que se anuncia ao virar da esquina, uma transformação não apenas tecnológica mas também social e cultural que, segundo o CEO da Google, Sundar Pichai, terá um impacto na Humanidade mais profundo do que a eletricidade ou o fogo. E a revolução já está em marcha. Está nossas ruas, nas nossas casas, nos nossos empregos, nos nossos bolsos. Pense, por exemplo, na Siri, a assistente virtual do iPhone que responde às perguntas que lhe colocam. Ou nos anúncios que encontra no Facebook, que parecem escolhidos de propósito para si (e são); ou ainda nos livros ou nas séries que a Amazon e a Netflix lhe sugerem. Tudo isto é proporcionado por IA, um conjunto de tecnologias que tentam imitar ou aumentar a inteligência humana.

Para continuar a ler o artigo clique AQUI