Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

A mostrar os perigos das janelas abertas, polícia britânica atira aviões de papel para dentro das casas

É uma forma original e direta de provar que a casa se encontra vulnerável a intrusões. Aconteceu numa cidade do Reino Unido

Luís M. Faria

Jornalista

A polícia de Dorset, em Inglaterra, arranjou uma forma original de lembrar às pessoas para terem cuidado durante o verão. Durante toda a semana e até este domingo, sempre que encontravam janelas abertas sem ninguém à vista (os donos estão provavelmente no jardim traseiro), os agentes atiravam um avião de papel para dentro da casa.

O avião tinha o dístico da polícia nas asas e vinha com os dizeres: como é que eu entrei aqui? Uma forma particularmente direta de fazer o alerta em causa. Mas houve quem não gostasse. Alguns residentes disseram que a polícia, em vez de atirar aviões de papel devia empregar o seu tempo a perseguir criminosos.

A polícia mantém que é uma tática legítima, e justificada pelo aumento acentuado de assaltos durante o verão. "Se a sua casa lhe parece insegura, também parece insegura a um ladrão. Lembre-se de fechar sempre as suas portas e janelas quando for possível. Não dê aos ladrões a oportunidade de ter acesso à sua propriedade", disse o inspetor Neil Wright.

A iniciativa pelo menos não é tão intrusiva como aquilo que a polícia de outra cidade inglesa fez há algum tempo. Quando via uma porta entreaberta, entrava lá dentro e tirava uma fotografia do hall - que a seguir punha na internet.

No caso do avião de papel, até houve um slogan oficial: "A policia em Dorset sobe a novas alturas para combater os assaltos".