Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

Estado vai vender 35 imóveis avaliados em quatro milhões

O edifício mais caro vai ser vendido a partir de 600 mil euros e inclui seis escritórios na rua Vasco da Gama, em Faro

O Estado vai colocar para venda um conjunto de 35 imóveis, avaliados em cerca de quatro milhões de euros, que serão vendidos à melhor oferta, revela o “Correio da Manhã” esta segunda-feira. Os imóveis em causa estão espalhados pelo país, incluindo alguns em Lisboa. As propostas de compra deverão ser enviadas até às 16h de quarta-feira, onde deve estar indicado o valor para a arrematação e ainda um cheque correspondente a 5% do valor.

O edifício mais caro vai ser vendido a partir de 600 mil euros e inclui seis escritórios na rua Vasco da Gama, em Faro. O mais barato, por sua vez, é uma parcela de terreno para construção, em Mangualde, com 298,6 metros quadrados, cujo preço arranca nos 7.600 euros.

Em Lisboa estarão para venda três moradias em ruínas, em Campolide, cujo valor mínimo é de 218 mil euros. A essas somam-se outras moradias em Oeiras e em Olhão e vários apartamentos em Beja, Ferreira do Alentejo e Mirandela.