Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

IMI. Valores acima de 100 euros poderão ser pagos em três prestações

FOTO JOÃO CARLOS SANTOS

O executivo de António Costa pretende ajudar as famílias portugueses a diluir o peso do IMI ao longo do ano

O Governo quer reduzir de 250 para 100 euros o montante que tem de ser saldado de uma vez só de imposto municipal sobre imóveis (IMI), avança o “Jornal de Notícias” esta sexta-feira.

Com esta medida, o executivo de António Costa pretende ajudar as famílias portugueses a diluir o peso do imposto ao longo do ano. Os contribuintes que paguem mais de 100 euros de imposto municipal sobre imóveis (IMI) passarão a poder liquidá-lo em três prestações em 2019.

A legislação corrente faz com que os contribuintes que paguem menos de 250 anuais de IMI sejam obrigados a saldar este valor numa só operação em abril - apenas as famílias com valores superiores a este é que podem pedir para este ser fracionado. Caso paguem mais de 500 euros, as famílias podem também fracionar o valor em três prestações.

De acordo com o “JN”, o executivo pretende ainda mexer no calendário de pagamentos de IMI: a cobrança da primeira prestação deverá passar de abril para maio; as restantes ficarão agendadas para agosto e novembro.