Siga-nos

Perfil

Expresso

Regiões

Município vai acolher o primeiro Centro 'Europe Direct'

O distrito de Vila Real vai finalmente poder contar com um espaço dedicado à divulgação da informação sobre as políticas e programas europeus.

Maria Meireles/A Voz de Trás-os-Montes

No início do próximo ano entrará em funcionamento o Centro de Informação "Europe Direct", um espaço que terá como missão aproximar a União Europeia aos cidadãos, e irá funcionar sob a direcção da Associação de Desenvolvimento da Região do Alto Tâmega (ADRAT). A aprovação da candidatura foi-nos confirmada pela Representação da Comissão Europeia em Portugal, sendo que, a nova geração de Centros "Europe Direct", que contou com 44 candidaturas apresentadas de norte a sul do país, garante a manutenção do centro existente em Bragança.

A Rede de Centros "Europe Direct", constituída antes por treze infra-estruturas, passa a ter 16 pólos distribuídos por todo o país, e tem como objectivo a divulgação da informação sobre as políticas e programas europeus nas suas respectivas áreas de intervenção. "Permitir, a nível local, que os cidadãos disponham de informações, orientação, assistência e respostas a perguntas sobre as instituições, legislação, políticas, programas e possibilidades de financiamento da União Europeia; promover activamente o debate sobre a União Europeia e as suas políticas; permitir às instituições europeias melhorarem a difusão da informação adaptada às necessidades locais e permitir ao público enviar reacções às instituições da União Europeia sob a forma de perguntas, opiniões e sugestões", são os objectivos dos centros que contam com um apoio da Representação de 25 mil euros para o seu funcionamento, sendo previsível a atribuição de apoios extras para projectos a desenvolver.

Em Chaves, a candidatura para a criação do Centro de Informação foi da responsabilidade da ADRAT, que, como explicou o secretário-geral da associação, António Montalvão Machado, "já há alguns anos tinha essa ambição". "Já apresentámos uma candidatura há alguns anos mas só agora temos as condições necessárias nas novas instalações", referiu o mesmo responsável, salientando que o Centro "Europe Direct" flaviense se localizará na sede da associação, no Edifício INDITRANS, no Parque Empresarial da cidade.