Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

A reforma que Rio quer fazer em segredo (e sobre a qual só entregou uma cópia em papel)

PATRICIA DE MELO MOREIRA/Getty

PSD entregou aos restantes partidos uma proposta para um pacto de reforma da Justiça, com o pedido de que todos mantivessem em absoluto sigilo o conteúdo da iniciativa

Filipe Santos Costa

Filipe Santos Costa

Jornalista da secção Política

Rui Rio entregou em papel uma única cópia do documento, insistindo para que não houvesse fugas de informação sobre as 51 páginas, a que o Expresso teve acesso.

A iniciativa de Rio foi considerada “estranha” por diversos responsáveis dos partidos abordados, com quem o Expresso falou sob condição de anonimato. Ninguém quis fazer a desfeita de recusar à partida a iniciativa, mas tudo é considerado “insólito”. Pela exigência de secretismo, pela metodologia proposta (um grupo de peritos indicados pelos partidos, que elaborariam um acordo técnico), por prever que o Presidente da República patrocinasse esse pacto a que o PSD chama “Compromisso para a Justiça” (Marcelo também recebeu uma cópia), por partir do pressuposto de que os partidos devessem chegar a acordo sobre a reforma da Justiça “despindo-se de conceitos e pré-conceitos ideológico-partidários”, como se lê na nota justificativa do documento.

Para saber tudo sobre este documento, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso, pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido