Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Morreu “capitão de Abril” Tomaz Ferreira aos 87 anos

Presidente da Associação 25 de Abril, em comunicado, lamentou a perda de “mais um dos pais da liberdade e da democracia” e um “grande amigo”

O coronel Rolando de Carvalho Tomaz Ferreira, um dos denominados "capitães de Abril", morreu nesta terça-feira aos 87 anos, devido a doença, informou o coronel Vasco Lourenço. O presidente da Associação 25 de Abril, em comunicado, lamentou a perda de "mais um dos pais da liberdade e da democracia" e um "grande amigo".

Segundo a nota de Vasco Lourenço, Tomaz Ferreira, nascido em 3 de maio de 1931, foi um "militar de Abril de todas as horas", um "dos principais elementos do Movimento dos Capitães no norte de Portugal, aí desenvolvendo forte atividade conspirativa".

"Depois da libertação dos portugueses, Tomaz Ferreira continuaria a ser um dos principais elementos do Movimento das Forças Armadas no norte do país, desempenhando importante papel na ação que permitiu a consolidação da liberdade e da democracia", tendo, "em 1982, aquando da fundação da Associação 25 de Abril", sido o presidente da comissão instaladora da instituição na região norte e sendo eleito presidente da Mesa da Assembleia Geral da mesma.

O velório do corpo do "capitão de Abril" será realizado na igreja da Misericórdia de Penafiel, hoje, a partir das 18h00, e o funeral parte quarta-feira, às 16h00, para o cemitério de Penafiel.