Siga-nos

Perfil

Expresso

Verdade ou Consequência

Maria Elisa: “Deve ser uma morte fantástica morrer a meio de um ato sexual”

Neste segundo episódio do “Verdade ou Consequência”, a jornalista Maria Elisa Domingues assume que encontrou a plenitude sexual aos 40 anos, e guarda uma grande mágoa com a RTP de onde sente que saiu cedo demais — ‘foi um desperdício’. E, surpresa das surpresas, a primeira mulher na televisão a fazer entrevistas políticas revela que o seu grande arrependimento profissional foi ter deixado de apresentar o concurso “Quem Quer Ser Milionário”: “Foi a vez em que ganhei mais dinheiro e diverti-me muito”. Ainda nesta conversa, Maria Elisa aceita jogar ao “Marry, Fuck and Kill” com Pinto da Costa, Marcelo Rebelo de Sousa e Pedro Santana Lopes. E a resposta é... algo inesperada. E ainda há espaço para a música, com Maria Elisa a estrear-se no karaoke com temas das Doce, do Marco Paulo e dos Abba. Para ouvir em podcast no site do Expresso, iTunes e Soundcloud ou para (re)ver no site da SIC Notícias

Para assinar este podcast em android ou iOS, copie e cole este url na sua aplicação:

http://rss.impresa.pt/feed/latest/expresso/podcasts/verdade-ou-consequencia.rss?itunes=true&limit=200<