Siga-nos

Perfil

Expresso

Está Dito

"Recuso-me a ser encarado como uma marca e que os meus livros sejam vistos como sabonetes".

Mário de Carvalho, escritor, afirmando o seu desagrado pelas incógnitas que rodeiam a realização da Feira do Livro, na sequência do desentendimento entre a APEL - Associação Portuguesa de Editores e Livreiros e o Grupo Leya, que insiste em participar no evento com pavilhões diferenciados. Público, 16/05/2008