Siga-nos

Perfil

Expresso

Está Dito

"Não deixamos de ler Céline apesar de ele ter sido anti-semita quando era adulto. Não deixamos de ler Ezra Pound, que era um simpatizante nazi."

Salman Rushdie, escritor indo-britânico, a propósito da revelação feita por Günter Grass numa entrevista ao jornal alemão "Frankfurter Allgemeine Zeitung", de ter pertencido às Waffen-SS, o braço armado da unidade de elite do regime nazi.