Siga-nos

Perfil

Expresso

A fossa de Eylau

Como tem sido hábito, a minha primeira leitura de Verão foi escolhida numa feira do livro aqui junto à praia. E há que tempos que andava para ler esta novela de Balzac, “O Coronel Chabert” [versão de 1835, edição Assírio & Alvim], ainda por cima traduzida por Aníbal Fernandes.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso, pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)