Siga-nos

Perfil

Expresso

A fotografia

A equipa tinha acabado de acusar o último dos processos do ‘Apito Dourado’, final de 2007. A prova parecia consistente, a organização do processo tornava-o quase bonito, estético, enviá-lo para tribunal era uma separação dolorosa. Lembrei-me, vamos tirar uma fotografia com ele, como quem se despede, uma ideia parva, de quem luta. Lá ficamos todos perfilados à frente da mancha branca das capas da montanha de volumes, um sorriso melancólico a unir-nos no fim de tudo. Era uma gigantesca acusação sobre falsificação da classificação de árbitros, esquemas de poder pressentidos mas que não faziam parte da história criminal — que é sempre limitada ao mais superficial. O que daria o julgamento?

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso, pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)