Siga-nos

Perfil

Expresso

Joviana Benedito

Geração K_X (II): O SMS'ês

– Tenhu sodadex tuax. Vamus lanxar 1 dia dextex? Bjinhu gand. kina.

Kastor leu a mensagem que o seu telemóvel acabava de receber. Não via Kina há bastante tempo e por isso ficou surpreendido com o convite. No 12º ano tinham sido amigos muito próximos e companheiros de várias desventuras escolares. Kina era uma rapariga forte psicologicamente, enfrentava as dificuldades e gostava de desafios. Queria ser médica e conseguiu a tão almejada média. Kastor queria ser engenheiro e sonhava fazer pontes.

Ele ficou admirado com esta mensagem. Não soubera mais dela e agora estava curioso. Respondeu.

– Q bom xaber de ti! sabdo, tou pati...naum t eskexas de konfirmar dp axertmux prmnorex. Jinhux.

Kina apressou-se a responder e a confirmar.

– Fofinhu, Colombo, 16 h.

Kina e Kastor abraçaram-se. Comoveram-se. Desabafaram. Perceberam que eram amigos e que neste encontro retomavam o fio da amizade que os unira antes. Despediram-se.

Mensagem dela à noite:

– Tou felix, jinhu de bnoite .

Ele respondeu:

– Tb estou félix, fika bem, kida. jinhu.

Mensagem dela de manhã:

– Sonhei cntigu, soh penso em ti e em nóx, jinhu.

Resposta dele:

– Tb pensei mt em ti e em nóx, bj.

Cada dia que passava o número de mensagens trocadas entre os dois aumentava e, sem o determinarem formalmente, estavam a agir como namorados.

Viviam um para o outro sem precisarem de se juntar ao grupo de amigos. Juntavam-se para estudar. Ele mostrava com muito entusiasmo as fotos das pontes mais célebres do mundo. Ela falava sem cessar da especialidade a que gostaria de se dedicar – a pediatria.

Quando um saía por motivos pessoais, a troca de mensagens era contínua, e cada vez mais, as mensagens mais apaixonadas e íntimas. Passaram alguns fins-de-semana juntos.

Ia em seis meses de encantamento quando Kastor foi em visita de estudo a França ver o viaduto de Millau, a ponte mais alta do mundo. Só quando quis enviar uma mensagem se lembrou que não fizera o roaming ao telemóvel. Logo que pôde telefonou a Kina. Ela nem o deixou falar. Exaltou-se, acusou-o de falta de amor e atenção. Kastor só voltou a enviar-lhe uma mensagem quando chegou a Lisboa. Ela não respondeu nesse dia. Ele não insistiu. Passados dias quebrou o silêncio:

– Nunca esquecerei os momentos felizes que passámos juntos. Acabaram. Sigo procurando outros. Até sempre. Bj. Kastor

Kina sentiu-se desfalecer. Mandou uma mensagem a Nikita:

– Kastor acabou cmgu, por msg, qé qeu faxo?

Nikita respondeu:

– Qd 1 n ker...o outro fika livre no meio do caminho. Segue em frente. Acabar por msg ou por out meio é o mm. bj

Joviana Benedito

Profª. aposentada do Ensino Sec. e autora