Siga-nos

Perfil

Expresso

Analfabetos, pero civilizados

Há aquela célebre frase da Rainha de Copas de “Alice no País das Maravilhas”. Diz ela, do cimo do seu nonsense: “Primeiro a sentença, depois o veredito!” E já que falamos de nonsense: “veredito” escrevia-se “veredicto” antes do Acordo Ortográfico de 1990 ter decidido decapitar, sobrando o H para amostra, as consoantes mudas. “Cortem-lhe a cabeça!”, havia sentenciado prévia e profeticamente a Rainha, apontando para Alice, séculos antes dos mentores do AO terem gritado o mesmo, apontando agora para as letras do alfabeto.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para descarregar as edições para leitura offline)