Siga-nos

Perfil

Expresso

Dos infortúnios da virtude

Começando pelo princípio. Pénis, pilinhas, vaginas e pipis — sendo tudo a mesma coisa, não é tudo a mesma coisa. Na praia, por exemplo, nunca se diz a uma criança (e agora aparecia-me o Sean Connery a piscar-me o olho: “Never say never again...”): “Tens a vagina (ou o pénis) cheio de areia. Vamos à água.” Pelo menos, nunca ouvi. É verdade que este ano fui pouco à praia. Talvez as coisas tenham mudado.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)