Siga-nos

Perfil

Expresso

O regresso às aulas

Parece uma evidência: é um grandessíssimo mistério. É habitual perguntar aos escritores: porque é que escreve? Uns não se dão ao trabalho de responder, outros dizem que não sabem, alguns são sintéticos na resposta: António Lobo Antunes: “Porque não sei dançar como Fred Astaire”, outros longos ou elaborados (a esses não posso citar, por óbvia falta de espaço). Raramente se pergunta ao leitor — não, porque é que lê —, mas o que seria o passo seguinte do inquérito: porque é que finge acreditar no que lê?

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso, pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)