Siga-nos

Perfil

Expresso

Elogio do consumo

Embora os homens costumem ferir a minha reputação e eu saiba muito bem quanto o meu nome soa mal aos ouvidos dos mais tolos, orgulho-me de vos dizer que esta Loucura este Consumo, sim, esta Loucura este Consumo que estais vendo é a única o único capaz de alegrar os deuses e os mortais.” Original de Erasmo de Roterdão, rasurado e alterado.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)