Siga-nos

Perfil

Expresso

Altos e baixos - Economia

De Nuno Ribeiro da Silva a João Rendeiro

Em Alta

Nuno Ribeiro da Silva, Presidente da Endesa Portugal

A inauguração do Parque Eólico do Alto Minho - que é o maior da Europa - "é um orgulho para Portugal", disse esta semana o ministro da Economia, Manuel Pinho. A Endesa, como maior accionista da Vento Minho, tem naturalmente muito mérito no projecto. A questão que se coloca é: com negócios como este, a Endesa já desistiu das ameaças de sair de Portugal?

 

Vítor Carmona e Costa, Presidente da Copam

A Copam voltou a ser eleita a melhor pequena e média empresa do ano, na lista das 1000 melhores PME, feita pela revista 'Exame'. Tal distinção já lhe tinha sido atribuída em 2005 e 2007. Só é pena que a empresa recuse abrir as portas para contar as razões do seu sucesso.

 

Em Baixa

Dias Loureiro, Ex-administrador da SLN

Até prova em contrário é inocente, mas a partir do momento em que as dúvidas quanto à sua actuação na SLN se acumulam - nomeadamente depois de o ex-vice-governador do Banco de Portugal o ter desmentido - deveria colocar o seu lugar à disposição, no Conselho de Estado. Poupava, assim, algum incómodo ao Presidente da República...

 

João Rendeiro, Presidente do BPP

Foi um momento penoso, o do lançamento do livro 'Confissões de Um Banqueiro', na segunda-feira. Rendeiro expôs-se a uma situação a que poucos aceitariam expor-se, o que revela coragem. Mas arrisca-se efectivamente a ser lembrado pelo último negócio que realizou, como o próprio admitiu temer. E o facto de a solução preconizada para a salvação do BPP passar pela sua saída do banco resultará sempre numa saída inglória.

Pedro Lima