Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Concorda com a despenalização da interrupção voluntária da gravidez, se realizada, por opção da mulher, nas primeiras dez semanas, em estabelecimento de saúde legalmente autorizado?

Esta é a pergunta que voltará a ser feita aos portugueses oito anos volvidos sobre o refendo não vinculativo de 1998. A questão do aborto volta a estar na ordem do dia.