Siga-nos

Perfil

Expresso

Fotogaleria

O céu é o limite

Lisboa é, pelo segundo ano consecutivo, a anfitriã do Mundial de Pirotecnia. Até 30 de Setembro, pirotécnicos alemães, americanos e portugueses vão pôr os lisboetas de olhos no céu.

Jogos de luz e cor iluminam os céus da Marina do Parque das Nações. A música impõe o ritmo. A segunda edição do festival internacional de fogo de artifício, inaugurado no passado sábado com «Napolitanissima», dos italianos «Panzera», vai deliciar milhares de espectadores até ao fim do mês. Seguem-se-lhe a Alemanha, dia 16, com «Eau de Cologne» e os Estados Unidos, a 23, com «Filhos de Portugal». O grupo português Luso Pirotecnia encerra o festival, com «Fusão», a 30 de Setembro. Sempre às 23h.