Siga-nos

Perfil

Expresso

Fotogaleria

Exército trava rebelião dos "camisas vermelhas"

Terminou em Banguecoque a ocupação de uma área do centro da capital tailandesa pelos "camisas vermelhas" apoiantes do antigo primeiro ministro Thaksin Shinawatra. Veja algumas imagens da operação militar. (Atenção: Algumas fotos podem ferir a susceptibilidade dos leitores mais sensíveis)

O recolher obrigatório em vigor em Banguecoque foi hoje alargado a 23 províncias da Tailândia, a partir das 20h (14h em Lisboa) e até às 6h, depois do fim da operação militar para desalojar os "camisas vermelhas" do centro da capital.

O recolher obrigatório já tinha sido decretado ao início da tarde na cidade de Banguecoque, palco de violência desde o fim da operação militar contra os manifestantes antigovernamentais que exigem a demissão do Governo tailandês.

Quem violar o recolher obrigatório incorre numa pena máxima de dois anos de prisão ou multa de 40 mil baht (cerca de mil euros).

As províncias em causa situam-se maioritariamente no norte e nordeste do país, uma região agrícola e pobre de onde são naturais muitos dos "camisas vermelhas" - apoiantes do ex-primeiro ministro Thaksin Shinawatra, deposto em 2006 e a viver no exílio - que participaram nos protestos de Banguecoque.

*** Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico ***