Siga-nos

Perfil

Expresso

Fotogaleria

Comandos portugueses procuram «amigos» de Bin Laden

Em missão estratégica no Afeganistão, 150 comandos portugueses percorreram o deserto a mais de 60 graus de temperatura. Foram sete meses à procura dos «amigos» de Bin Laden.

Deslocados de Cabul para Farah, onde se concentrava a maioria dos talibãs, os militares portugueses tinham por missão controlar os movimentos de qualquer suspeito afegão. Os patrulhamentos sucediam-se a um ritmo alucinante e incluíam quase sempre a passagem em revista de território nunca antes explorado por tropas internacionais. A tensão só descia de tom, quando os comandos saíam para operações humanitárias. Aí, o contacto com as crianças era privilegiado. Sem receio, recebiam a sorrir os brinquedos que os portugueses tinham para oferecer e trocavam abraços por chocolates.