Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Cortadas comunicações com portugueses na República Centro Africana

Desde ontem que o sectretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Cesário, não consegue falar com o cônsul português, José Maria Pereira de Sousa.   

Paulo Gaião

As comunicações com a República Centro Africana, onde o presidente Bozizé foi há dois dias deposto por um golpe militar, estão cortadas há mais de 24 horas, disse ao Expresso o secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Cesário.

O cônsul José Maria Pereira de Sousa era o canal de comunicação do governo português  mas deixou  de atender o telefone.     

"A última vez que falei com o cônsul português Pereira de Sousa foi ontem. Hoje não sabemos como está a evoluir a situação", disse José Cesário ao Expresso. 

Pereira de Sousa transmitira ontem a José Cesário uma lista de 23 portugueses que manifestara vontade de abandonar a República Centro-Africana no caso de a situação  de instabilidade se agravar na capital Bangui. No total, há 35 portugueses a viver na República Centro Africana, na sua maioria comerciantes.