Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Correspondência endereçada a Trump e dois altos funcionários do Pentágono suspeita de conter veneno letal

THOMAS WATKINS/AFP/Getty Images

A porta-voz Sarah Sanders reencaminhou todos as perguntas para os serviços secretos, esclarecendo, ainda assim, que o envelope “nem chegou a entrar na Casa Branca”. Os pacotes do Pentágono estariam endereçados ao secretário da Defesa, Jim Mattis, e ao almirante John Richardson, chefe das operações navais. A ricina não tem antídoto conhecido

Autoridades federais dos EUA anunciaram esta terça-feira que intercetaram vários pacotes suspeitos de conter ricina, uma substância letal, endereçados ao Presidente e a pelo menos dois altos funcionários do Pentágono. Em comunicado, os serviços secretos confirmaram que um “envelope suspeito” endereçado a Donald Trump tinha sido recebido na véspera numa dependência no exterior da Casa Branca.

“Todas as ameaças dirigidas ao Presidente ou a qualquer protegido dos serviços secretos são tratadas com seriedade e totalmente investigadas”, acrescenta o comunicado. O Pentágono colocou o seu correio sob quarentena depois de vários pacotes suspeitos terem sido encontrados e posteriormente entregues ao FBI.

A porta-voz da Casa Branca, Sarah Sanders, reencaminhou todas as perguntas sobre o assunto para os serviços secretos, esclarecendo, ainda assim, que o envelope “nem chegou a entrar na Casa Branca”. Um funcionário do Departamento de Defesa disse, sob anonimato, que os pacotes do Pentágono estavam endereçados ao secretário da Defesa, Jim Mattis, e ao almirante John Richardson, chefe das operações navais.

Um porta-voz do Pentágono, o coronel Rob Manning, informou que a dependência de entrega de correio fica no recinto do Pentágono mas não no prédio principal, onde se localizam os escritórios do secretário da Defesa. O coronel disse ainda que todo o correio recebido na estação de triagem na segunda-feira estava sob quarentena.

A ricina é parte dos resíduos produzidos quando o óleo de mamona é fabricado e não tem antídoto conhecido.