Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Jornal norte-americano "The Boston Globe" apela a uma "guerra editorial" aos ataques de Trump aos media

Darren McCollester/Getty

O jornal norte-americano "The Boston Globe" quer uma reposta coletiva por parte da imprensa norte-americana aos ataques de Donald Trump

O diário norte-americano "The Boston Globe", jornal de referência nos EUA e várias vezes vencedor de prémios Pulitzer, apelou a uma resposta editorial coordenada da imprensa norte-americana contra os frequentes ataques do Presidente Donald Trump.

O "The Boston Globe" apelou aos jornais de todo o país para publicarem a 16 de agosto editoriais a denunciar o que apelida de "guerra suja contra a liberdade de imprensa". O diário quer que os jornais norte-americanos tomem uma posição independentemente da sua orientação política e de geralmente publicarem editoriais, ou não, contra ou a favor das políticas da administração Trump.

O Presidente dos EUA frequentemente caracteriza a imprensa como "fake news" (notícias falsas, na tradução em português) e os jornalistas como os seus verdadeiros oponentes políticos. Marjorie Pritchard, que dirige a página editorial do "The Boston Globe", diz que dezenas de jornais já concordaram em escrever editoriais, incluindo jornais diários de grande tiragem e outros de menor dimensão.