Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Dois aviões caem na Suíça no mesmo dia. Há um número ainda não confirmado de mortos

Um avião de turismo colidiu durante a tarde deste sábado com uma montanha no cantão de Grisons, no leste do país. De manhã um outro aparelho caiu numa floresta, causando a morte de uma família de quatro pessoas

Um avião de pequenas dimensões despenhou-se este sábado contra a montanha de Piz Segnas, uma maciço com mais de 3 mil metros de altura situado no cantão suíço de Grisons, no leste do país.

As autoridades suíças não avançaram ainda um número oficial das vítimas. Cinco helicópetros foram enviados para o local para participar nas operações de busca.

Já na manhã deste sábado um pequeno avião que transportava um casal e duas crianças pequenas caiu numa floresta em Hergiswil, no cantão de Nidwalden, e incendiou-se de imediato.

Segundo um comunicado da polícia local, o avião tinha descolado do aeroporto de Kägiswil, no cantão vizinho de Obwald, com destino a França, pouco depois das 09h30 locais (08:30 em Lisboa).

O fogo propagou-se rapidamente em torno da zona do acidente, tendo sido necessária a intervenção de um helicóptero antes de as equipas de socorro poderem aproximar-se do local.