Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Migrações. Mais de 300 pessoas resgatadas na costa espanhola

JORGE GUERRERO/Getty

Desde a última sexta-feira, mais de mil migrantes foram resgatados em numerosos barcos que tentavam chegar às costas da Andaluzia

O Salvamento Marítimo e a Guarda Civil espanhola resgataram nesta segunda-feira um total de 339 imigrantes em 23 embarcações na costa da Andaluzia, em Alborán, Granada e Estreito de Gibraltar, anunciaram fontes oficiais de ambos os organismos.

Durante a manhã, a Guarda Civil espanhola intercetou sete migrantes magrebinos, incluindo duas crianças, num barco perto da costa de Granada, foram transferidos para o porto de Motril (Granada) e atendidos pela Cruz Vermelha, que lhes prestou os primeiros cuidados médicos e de alimentação. Também durante a manhã, 188 pessoas que viajavam em 17 embarcações, entre as quais 20 mulheres e três crianças, foram resgatadas no Estreito de Gilbraltar, perto da localidade de Tarifa.

Para além desta operação, o Salvamento Marítimo interveio para resgatar 104 outras pessoas, incluindo 25 mulheres, duas crianças e um bebé, de três barcos, próximo da ilha de Alborán, que acabaram por desembarcar em Motril.

Posteriormente, o Salvamento Marítimo e a Guarda Civil resgataram mais 40 pessoas de dois outros barcos localizados esta tarde no Mar de Alborão, depois de receberem o aviso da partida de três barcos da costa do Marrocos. Vários meios continuam na zona em busca de outros dois barcos, um com 61 pessoas e outro com 42 a bordo.

Desde a última sexta-feira, mais de mil migrantes foram resgatados em numerosos barcos que tentavam chegar às costas da Andaluzia pelo mar de Alborão e ao Estreito de Gibraltar.