Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

O líder que ganha votos por pisar linhas vermelhas

O material de campanha para a reeleição de Trump já está a ser produzido na China

FOTO AFP/GETTY IMAGES

Trump bajulou Putin, irritou os europeus e confirmou querer o segundo mandato. Parece ter hipóteses

O 45º Presidente dos EUA é, provavelmente, aquele para quem ser chefe de Estado foi um acaso maior da vida, já que a política nunca esteve no centro dos seus interesses. Mas é também um “Presidente de extrema-direita que vestiu a pele política do modelo democrático”, apesar de manifestar “incómodo com esse modelo”, diz ao Expresso o embaixador Francisco Seixas da Costa, diplomata que há muitos anos acompanha com interesse o que se passa na América.

Apesar da erisipela política que as suas atitudes e afirmações provocam na elite americana e em parte da população que vive nas costas leste e oeste dos EUA, bem como na grande maioria dos europeus, nada indica que quem votou em Donald Trump em novembro de 2016 venha a alterar o sentido de voto nas legislativas de novembro próximo nem, apesar do tempo que falta, nas presidenciais de 2020. Trump garantiu, domingo, ter “plena intenção” de se recandidatar, reiterando anúncio feito em fevereiro.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso, pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)