Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Autoridades indicam que número de mortos em naufrágio no Missouri sobe para 17

Embarcação, um veículo anfíbio, virou-se e afundou-se no lago Table Rock, em Branson, de onde tinha partido com 31 passageiros

As autoridades norte-americanas anunciaram ser agora de 17 o número de mortos no naufrágio de uma embarcação turística durante uma tempestade no sudoeste do Estado do Missouri. Doug Rader, xerife do condado de Stone, atualizou o número de mortos e confirmou mais sete feridos, um deles em estado grave.
Rader revelou ainda que alguns dos mortos eram crianças mas não quis avançar com mais detalhes.

A embarcação, um veículo anfíbio, virou-se e afundou-se no lago Table Rock, em Branson, de onde tinha partido com 31 passageiros. Numa anterior comunicação aos 'media', Doug Rader, disse que, provavelmente a tempestade que se fazia sentir na quinta-feira fez a embarcação virar.

O meteorologista Steve Lindenberg do Serviço Nacional de Meteorologia em Springfield, Missouri, afirmou que a agência emitiu uma advertência de tempestade severa para a área de Branson na noite de quinta-feira e confirmou que os ventos atingiram velocidades de mais de 100 quilómetros horários.
"Foi emitido um aviso às pessoas para se abrigarem", afirmou Steve.

Várias equipas de mergulho de várias agências de segurança ajudaram na investigação e o Conselho Nacional de Segurança nos Transportes informou que hoje iriam chegar ao local mais investigadores.

Suzanne Smagala, dona da empresa proprietária da embarcação, "Ride the Ducks", em Branson, anunciou que está a auxiliar as autoridades no resgate e acrescentou que este foi o único incidente em mais de 40 anos de operação.

Branson, situada a sudeste de Kansas City, é uma localidade muito procurada por famílias e turistas que querem ter férias.
Um tornado que atravessou o centro de Branson em 2012 destruiu dezenas de prédios e feriu 36 pessoas, mas não houve registo de mortos.

Este tipo de embarcações, que podem deslocar-se tanto na água como em terra, já estiveram envolvidos em mais acidentes, como foi o caso da morte de cinco estudantes em Seattle em 2015, quando colidiu com um autocarro. Estas embarcações eram usados pelos militares dos EUA na Segunda Guerra Mundial para transportar as tropas, e, mais tarde foram transformados em veículos de turismo.

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, expressou hoje as suas condolências aos "familiares e amigos" das vítimas da tragédia. "Os meus sinceros pêsames às famílias e amigos daqueles que estiveram envolvidos naquele acidente terrível de barco que acabou de acontecer no Missouri, uma tragédia, uma perda, que Deus esteja com todos vocês", escreveu Donald Trump na sua conta na rede social Twitter.