Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Sismo no Japão causa pelo menos três mortos e mais de 200 feridos

Reuters

Esta segunda-feira um sismo de magnitude 6,1 na escala de Richter atingiu a região oeste do Japão. O sismo provocou incêndios, derrubou muros e danificou algumas estradas e canalizações de água

Pelo menos três pessoas morreram e duas centenas ficaram feridas na sequência de um sismo de magnitude 6,1 na escala de Richter que atingiu esta segunda-feira a região de Osaka, oeste do Japão, segundo um novo balanço das autoridades nipónicas.

Entre as três vítimas mortais estão uma criança de nove anos e dois homens, na casa dos 80.

O sismo provocou incêndios, derrubou muros e danificou algumas estradas e canalizações de água. Dezenas de voos dentro e fora de Osaka foram suspensos, assim como os serviços de comboio e metro.

A agência meteorológica do país tinha ao início da manhã declarado que o sismo tinha uma magnitude de 5,9, mas cerca de duas horas depois atualizou o valor para 6,1.

O sismo registou-se às 7h58 locais (23h58 de domingo em Lisboa) e teve o seu hipocentro a dez quilómetros de profundidade da província de Osaka, na ilha de Honshu, a maior do arquipélago nipónico, e a 500 quilómetros a oeste de Tóquio.

De acordo com a agência meteorológica do país, o abalo não levou à ativação do alerta de tsunami.

O Japão está localizado no chamado Anel de Fogo, uma das zonas sísmicas mais ativas do mundo.