Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Pelo menos 14 mortos em explosão no Iraque

A explosão ocorrida na noite de quarta-feira, na cidade de Sadr, nos arredores de Bagdade, causou pelo menos 14 mortes e 90 pessoas ficaram feridas. A explosão foi controlada pelo clérigo xiita Moqtada al-Sadr, líder da coligação vencedora nas eleições iraquianas de maio

Pelo menos 14 pessoas morreram e 90 ficaram feridas numa explosão que ocorreu na Cidade de Sadr, arredores de Bagdade, controlada pelo clérigo xiita Moqtada al-Sadr, líder da coligação vencedora nas eleições iraquianas de maio, anunciou esta quinta-feira a polícia.

A explosão ocorreu na noite de quarta-feira no interior de numa casa utilizada como depósito de armas e munições, que foi destruída, segunda fonte policial.

A violenta explosão destruiu outras três casas no local e danificou uma mesquita xiita próxima, disse a mesma fonte.

O Centro de Operações Especiais Conjuntas informou, em comunicado, que a explosão ocorreu numa loja de armas e indicou que as forças de segurança abriram uma investigação sobre o incidente para determinar suas causas.

A explosão ocorreu poucas horas depois de o parlamento iraquiano ordenar a recontagem manual dos votos em todas as assembleias de voto por suspeita de fraude e falsificação dos resultados.