Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

É “oficial”: Kim Jong-un tem poderes sobrenaturais

KCNA

O líder da Coreia do Norte subiu ao Monte Paektu, de onde, na teoria, os homens da sua família recebem o desígnio divino de governar. Durante a escalada o monte esteve envolto num nevão de proporções bíblicas, mas assim que Kim chegou ao topo logo um enorme sol despontou sobre o horizonte. A agência de notícias norte-coreana não tem dúvidas: o líder tem poderes sobrenaturais

Ana França

Ana França

Jornalista

Às vezes está debaixo do solo, a examinar, qual génio da física, a preparação do lançamento de mais um míssil balístico. Outras vezes é fotografado ao lado do seus comandantes de mais alta patente, sempre a sorrir, feliz com o sucesso galopante do seu programa nuclear - e com a miséria dos milhões de pessoas que deixam de comer para ele o poder alimentar. Mas desta vez Kim Jong-un não só demonstrou alguma atividade que envolva mexer-se como, diz a agência de notícias norte-coreana KCNA, provou que consegue controlar o clima.

Segundo escreve a KCNA, Kim subiu ao Monte Paektu e, no meio de uma tempestade, o líder fez nascer um sol radioso. "A montanha ancestral de Paektu estava completamente coberta de neve branca mas logo se abriu num regozijo maravilhoso de sol quando o seu grande mestre apareceu. Quando Kim Jong-un chegou ao cume, caminhando sobre camadas densas de gelo, o tempo mudou imediatamente e, no meio dos nevões de dezembro, abriu-se o sol expondo a figura majestosa do líder", escreve a agência.

São de facto imagens extraordinárias as que agência revela. Ali está Kim, de sapatos brilhantes de verniz e o seu já famoso casaco preto assertoado, no topo de uma montanha com quase três quilómetros de altura, sem qualquer necessidade de equipamento especial - nem um cachecol sequer. A explicação para isto é fácil. Como escreve a KCNA: "ele é o homem que controla o clima".

Mas este não é o seu único super-poder. Lembremos que a KCNA já apresentou outros. De acordo com a Newsweek, que na altura deu a notícia, Kim e alguns cientistas norte-coreanos chegaram à fórmula de uma "droga milagrosa" feita de "ginseng e elementos da natureza" que, apenas com uma injeção, cura a Sida, o ébola, muitos dos cancros conhecidos, doenças do coração, impotência, aquela gripe corriqueira também, e "os males que vêm do uso de computadores". Isto além de tornar quem a utilizar "imune à radiação", o que será, de certo a sua mais útil indicação médica nos tempos que correm.

A última história incrível a chegar do reino ermita tem a ver com unicórnios. Segundo a KCNA, os arqueólogos do líder norte-coreano descobriram o covil de um unicórnio que foi o cavalo de um antigo líder norte-coreano, o rei Tongmyong, escreve o diário britânico "The Guardian". E como é que se sabe que ali viveu um unicórnio? Porque tem por cima uma placa que diz "Covil do Unicórnio", obviamente.