Siga-nos

Perfil

Expresso

Energia de Portugal 2014

Conheça a primeira série de animação portuguesa global

Os heróis da Nutri Ventures

Nutri Ventures

Nutri Ventures estreou esta semana nos EUA. É a primeira produção de animação infantil nacional a integrar um canal da Disney e já foi apresentada a Michelle Obama.

"Não queremos triunfar só no campeonato. Queremos ganhar também na Liga dos Campeões". É desta forma desarmante que Rui Miranda expõe ao Energia de Portugal toda a ambição presente na Nutri Ventures, a primeira série de animação portuguesa verdadeiramente global.

Em exibição em mais de 20 mercados, espalhados pela Europa, Ásia e América, a série estreou-se esta semana nos EUA - "o maior mercado de animação do mundo" - no que Rui Miranda classifica como um "passo marcante na estratégia do projeto".

Apresentado como a "primeira série de animação portuguesa pensada para o mercado internacional e que promove a alimentação saudável", a Nutri Ventures foi concebida para ter "o máximo de apelo".

A ideia surgiu quando, após estudarem diversos mercados de entretenimento, os fundadores chegaram à conclusão que a animação infantil era a área com maiores potencialidades. Já o tema da alimentação saudável tem a sua origem na descoberta de um nicho de mercado uma vez que, segundo Rui Miranda, "todo o material de entretenimento que existia neste âmbito tinha pouco apelo".

Meteram então mãos à obra e acabaram com o conceito que hoje dá cor e forma à série.  A narrativa da nutri Ventures tem lugar numa realidade alternativa, em que os alimentos foram aparentemente banidos pelo arqui-vilão, Alex Grand, que, em sua substituição, produz um composto energético que só precisa de ser consumido uma vez e deixa os habitantes de mau humor. Contudo, os heróis da trama descobrem que os alimentos estão escondidos nos "sete reinos mágicos" e que estes conferem "nutri powers" consumidos.

Construir um parque temático

A série consiste assim num conjunto de aventuras pelos locais mais distintos para recuperar os alimentos perdidos e derrotar a influência malévola do arqui-vilão. Rui Miranda explica que os "nutri powers" são os benefícios energéticos dos alimentos saudáveis" e que o objetivo foi dar "uma forma aliciante e dinâmica a esta temática".

Desde que a série se estreou na RTP2 e no Canal Panda, em outubro de 2012, que o sucesso da série tem superado as expectativas dos responsáveis: "O balanço não podia ser mais positivo. Os níveis globais de audiências deixam-nos muito satisfeitos, sendo que em 30% das emissões a série ficou no top 3 dos programas mais vistos. No Disney Channel espanhol, por exemplo, a exibição aumentou em 11% as audiências do canal!", realça Rui Miranda.

Dados que se juntam aos mais de um milhão de visualizações no canal Youtube e às mais de 80 mil crianças registadas no site para atestar do sucesso e apelo internacional da série.

Entre os momentos altos já vividos pela equipa da Nutri Ventures, destaque para a apresentação da série e do seu conceito à primeira-dama dos Estados Unidos, Michelle Obama, que Rui Miranda classifica como "um momento inesquecível".

Quanto ao futuro próximo, os objetivos passam agora por acentuar a aposta nos EUA e dar cada vez mais atenção às plataformas digitais. Mas a ambição vai ainda mais além a longo prazo: "Até 2017/2018, queremos produzir um filme de longa-metragem e construir um parque temática", confessa rui Miranda. 

Veja o tema principal da Nutri Ventures: