Siga-nos

Perfil

Expresso

Iniciativas e Produtos

Dicas de Saúde: a verdade sobre suplementos alimentares fadiga física e intelectual

Até dezembro, vamos lançar um largo conjunto de sugestões no campo da saúde. Acompanhe esta parceria Expresso/Farmácias Portuguesas

A correria e o stress do dia a dia podem dar origem a uma sensação de que as horas nunca são suficientes e que nunca somos capazes de fazer tudo aquilo que gostaríamos. O cansaço pode, por isso, ser comum e, muitas vezes, devido a hábitos ou rotinas instaladas que podem ser contrariados como por exemplo:

  • Consumo de álcool: o consumo de álcool, principalmente antes de dormir estimula a produção de uma hormona que aumenta o ritmo cardíaco e estimula o organismo, podendo resultar numa noite mal dormida. De acordo com o mais recente estudo da organização Mundial de Saúde, Portugal está acima da média dos 53 países no que diz respeito ao consumo de bebidas alcoólicas;
  • Excesso ou falta de atividade física: a atividade física, praticada de forma regular e adequada a cada pessoa traz benefícios inegáveis à sua saúde. No entanto deve ser feita regularmente e com um ritmo e intensidade adequados a cada individuo. Outro estudo da OMS apaonta para que 43,4% dos portugueses pratiquem atividade física insuficiente;
  • Falta de horas de sono adequadas;
  • Hábitos alimentares pouco saudáveis: a falta de tempo não deve ser sinónimo de refeições fora de horas e/ou pouco saudáveis. Invista em si e na sua alimentação: faça pequenas refeições a cada 2 ou 3 horas para fornecer energia ao seu organismo de forma constante; evite o consumo de açúcares refinados – embora estes alimentos pareçam dar ao organismo alguma energia, na realidade esta sensação é apenas temporária. Opte, por exemplo, por cereais integrais que lhe fornecem energia para o corpo aproveitar ao longo do dia. Em algumas situações, e com o aconselhamento de um profissional de saúde, pode ser adequada a toma de um suplemento alimentar (ver vídeo) De acordo com o Inquérito Alimentar Nacional, mais de metade da população portuguesa sofre de excesso de peso.

A realidade é que nada deve ser desculpa para deixar de cuidar de si. Mas atenção, o cansaço físico, no dia a dia, não deve ser a regra, mas sim a exceção. Quando presente, de forma frequente e sem razão (como a falta de exercício físico ou poucas horas de sono) pode ter causas médicas: anemia; apneia de sono; hipotiroidismo (uma doença da tiroide, em que a função desta glândula está diminuída); diabetes; depressão; entre outras. Assim já sabe que, se sentir cansaço de forma frequente, consulte o seu médico!