Siga-nos

Perfil

Expresso

Edição Impresa - Antecipação

No tempo das imagens

De 30 de Outubro a 15 de Dezembro, a quinta edição do festival Temps d'Images enche onze salas/instituições de Lisboa, com peças que propõem o encontro das imagens com o palco.

Claudia Galhós

O festival Temps d'Images nasceu em 2002, numa iniciativa do canal de televisão francês de cultura ARTE e a estrutura de teatro La Ferme du Buisson. Em Portugal surgiu um ano depois e concretiza-se graças a uma lógica de colaboração entre diversas instituições de Lisboa.

Este ano, na quinta edição, os parceiros (que se traduzem nas salas onde os espectáculos, as exposições e os filmes se apresentam) são o CCB, Culturgest, Teatro da Politécnica, ZDB, Eira 33, Museu do Chiado, Maria Matos Teatro Municipal, Museu Colecção Berardo, Cinemateca Portuguesa e o Lux.

O calendário extenso e muito diverso, propõe olhares sobre objectos artísticos que, de forma mais ou menos óbvia, problematizam esta relação entre a imagem e o palco. Os "estaleiros" (como espaços de colaboração entre criadores provenientes de diversos universos artísticos, em que normalmente estão representados o cinema ou o vídeo e as artes de palco, ao vivo) são, neste contexto, o lugar onde esta relação se expõe, questiona e explora de forma mais evidente. Dos diversos "estaleiros", destacamos, entre outros, "Electricidade Estática", projecto comissariado por Delfim Sardo, e que conta com a participação dos artistas Paulo Furtado (músico), João Louro e Julião Sarmento (artistas plásticos) e João Luís Carrilho da Graça (arquitecto).

E, a anteceder o arranque da programação, no sábado, com a saída do jornal, pode ver no Expresso breves excertos de vídeos de quatro obras que serão apresentadas no programa deste festival. Entre elas, oportunidade para ouvir a actriz Maria de Medeiros a cantar, sobre a paisagem visual do vídeo de Daniel Blaufuks, em resultado do estaleiro "Na fotografia, estamos felizes".

Leia mais na edição do Expresso em banca, ou clique aqui para ler na versão e-paper (pdf inteligente para assinantes, disponível a partir das 00h01 de sábado)