Siga-nos

Perfil

Economia

WorldGMC

Chegar à final internacional

É o objetivo traçado pela equipa de quadros CTT What Else? para a sua participação no Global Management Challenge 2018.

A primeira edição da primeira volta da 39.ª edição desta competição de estratégia e gestão terminou a 20 deste mês com o apuramento de 32 equipas para a segunda volta, agendada para novembro. A CTT What Else? é uma das equipas que continua em prova e o seu objetivo é ter um bom desempenho nesta segunda etapa, chegar à final nacional e disputar o título mundial.

"O objetivo é ir à Rússia representar Portugal e estamos motivados nesse sentido. Sentimos que temos muito a aprender com este simulador e que os conhecimentos adquiridos na primeira volta serão com certeza uma mais valia para esta segunda. Estamos empenhados em desenvolver novas estratégias para conseguirmos passar para a fase final e chegar depois a nível internacional", explica André Santos, líder da CTT What Else?.

Para este participante o Global Management Challenge tem sido "uma experiência muito enriquecedora uma vez que nos permitiu, em primeiro lugar, ter contacto com os desafios da gestão de topo de uma empresa e desenvolver estratégias para os ultrapassar e em segundo lugar desenvolver competências para o nosso futuro profissional". Acrescenta ainda que este "é um desafio que requer elevadas capacidades analíticas que são úteis para o desempenho das nossas funções. Aprendemos, a título de exemplo, a mensurar o impacto do marketing nas vendas, tomar medidas em prol da satisfação dos recursos humanos para uma maior produtividade e a gerir o stock".

Na vida diária e na opinião do líder desta equipa os trabalhadores nem sempre se apercebem do impacto que cada um tem nas diversas áreas da empresa e esta simulação alerta para essa situação. A prova potencia também o trabalho em equipa, permite aos elementos de uma equipa estarem alinhados em termos de objetivos e a partilharem o entusiasmo por um desafio.