Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Telefónica alarga prazo da oferta até 16 de julho

Operadora espanhola "desafia a PT a respeitar a vontade dos acionistas".

A Telefónica alargou o prazo da oferta de 7,15 mil milhões pela parte da PT na Vivo até 16 de julho, disse à Lusa fonte oficial da operadora espanhola, que "desafia a PT a respeitar a vontade dos acionistas".

"A Telefónica, por entender que o uso da golden-share para vetar a venda da posição da PT na Vivo, à luz da lei portuguesa, das leis comunitárias e dos estatutos da PT, alarga o prazo da oferta para dia 16 de julho", continua a mesma fonte.

"A Telefónica desafia a administração da PT a respeitar, tal como prometeu, a decisão tomada pela maioria dos acionistas da empresa", conclui a mesma fonte.