Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Shell aproveita 'caso BP' e lança campanha

Em pleno rescaldo da fuga de petróleo no poço da BP no Golfo do México, a Shell estreia campanha que promove energias alternativas ao petróleo (veja vídeo)

Catarina Nunes (www.expresso.pt)

A desgraça de uma empresa abre janelas de oportunidade à concorrência. Enquanto a BP tem concentrado os esforços de comunicação na limpeza da imagem que a associa ao derrame de petróleo no México, a Shell decidiu apostar numa campanha publicitária na qual se posiciona como fornecedora de energias alternativas ao petróleo.

Segundo o site da Advertising Age, a Shell está a aproveitar um território habitualemente ocupado pela BP, ao apresentar-se como uma empresa para lá do petróleo. Televisão, imprensa, publicidade exterior, anúncios on-line e dois micro-sites (Energygalaxy.com e shell.us/letsgo) são os meios utilizados na campanha criada pela JWT/Londres, que estreou nos Estados Unidos.

O anúncio de televisão recorre à imagem de uma família oriental, para dizer que o futuro será alimentado por novas e múltiplas fontes de energia, que a Shell está a explorar. A petrolífera nega que a campanha seja oportunista. Patricia Singer, gestora de marca da Shell Oil, citada pela Advertising Age, garante que a campanha está em preparação há cerca de um ano e foi pensada para fortalecer a marca. A gestora da Shell considera que o lançamento desta campanha foi uma decisão acertada, apesar dos ataques da opinião pública devido à crise no Golfo.

Sem revelar os montantes envolvidos, Patricia Singer refere apenas que estão em linha com os gastos em 2009. Segundo a Kantar Media, a Shell Oil investiu no ano passado 14,6 milhões de dólares na compra de espaço nos meios de comunicação.