Siga-nos

Perfil

Economia

Tecnologia

Science4you abre filial em Madrid

Empresa tecnológica portuguesa Science4you abre primeira filial a nível internacional.

A Science4you, empresa especializada na produção, desenvolvimento e comercialização de brinquedos científicos, abriu hoje uma filial em Madrid para reforçar a sua estratégia de internacionalização em Espanha, disse à agência Lusa o seu presidente executivo.

"A constituição da Science4you Espanha [um escritório instalado no Parque Científico da Universidad Autónoma de Madrid] é mais um passo na internacionalização da empresa detida a 100 por cento por capital português e que opera, desde o início, em parceria com a Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa", afirmou Miguel Pina Martins.

Este responsável explicou que a entrada no mercado espanhol se deu no ano de 2009, país para onde a empresa passou a vender, mas chegou agora a altura de "abrir um escritório", o primeiro em termos internacionais, uma vez que os brinquedos didáticos que produzimos "têm potencial" para se destacar no país vizinho.

"Acreditamos que daqui a um ano possamos multiplicar por dez as vendas em Espanha, alcançando os 400 mil euros", explicou à Lusa, indicando também que o objetivo "é replicar" a experiência em Portugal e entrar nas principais cidades espanhola, entre outras, Valência, Saragoça e Barcelona através de retalhistas e da grande distribuição neste país.

Mundo... Aqui vamos nós 

Além da Espanha, a empresa começou a vender para o Brasil este ano e para Angola e para a Finlândia já o faz desde o ano passado, esperando avançar a curto prazo para outros países, embora Miguel Martins tenha preferido não divulgar por enquanto.

"O crescente sucesso em Portugal das linhas de produto [29 brinquedos científicos] nos parceiros da Sience4you FNAC, o El Corte Inglês e o Toys'r Us vai ser replicado na Espanha", disse à Lusa, explicando também que a empresa vai procurar avançar com parcerias no âmbito dos museus e universidades.

Criada em janeiro de 2008, a Science4you é uma empresa portuguesa que se dedica à produção, desenvolvimento e comercialização de brinquedos científicos em parceria com a Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, que estimulem o conhecimento de crianças em jovens.

"O público-alvo é dos 5 aos 14 anos, mas nós costumamos dizer que isto é como o Tintin. Acabam por ser os pais a comprar e, por isso, são brinquedos dos 8 aos 88", concluiu o gestor.