Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Dois milhões de iPads vendidos em menos de 60 dias

iPad está à venda na Austrália, Canadá, França, Alemanha, Itália, Japão, Espanha, Suíça e também no Reino Unido, desde o passado fim-de-semana.

Vítor Andrade (www.expresso.pt)

A Apple anunciou hoje que as vendas do iPad ultrapassaram os dois milhões de unidades em menos de 60 dias, desde o seu lançamento a 3 de Abril. A Apple iniciou as vendas do iPad na Austrália, Canadá, França, Alemanha, Itália, Japão, Espanha, Suíça e Reino Unido no passado fim-de-semana. O iPad vai estar disponível em mais nove países em Julho e mais países até ao fim do ano.

O iPad liga os utilizadores com as suas aplicações e conteúdos de uma forma mais íntima, intuitiva e divertida. Os utilizadores podem navegar na Internet, ler e enviar e-mails, ver e partilhar fotos, ver vídeos HD, ouvir música, jogar, ler ebooks e muito mais no revolucionário ecrã Multi-Touch do iPad.

O iPad tem apenas 1,27 centímetros de largura e pesa somente 680 gramas - mais fino e leve do que qualquer outro laptop ou netbook - e uma autonomia de bateria de até 10 horas.

Os técnicos já desenvolveram mais de 5000 novas aplicações para o iPad que tiram partido do seu grande ecrã Multi-Touch e gráficos de alta qualidade. iPad é compatível com praticamente todas as 200 mil aplicações da App Store, incluindo aplicações já adquiridas para o seu iPhone ou iPod touch.

A autonomia de bateria varia consoante a configuração e utilização do dispositivo, entre outros factores. Resultados variam.