Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Bolsa abre em queda de 0,44 por cento

A Euronext Lisboa abriu hoje em baixa, a ceder 0,44 por cento para os 10.984,00 pontos.

A Euronext Lisboa abriu hoje em baixa, a ceder 0,44 por cento para os 10.984,00 pontos. Na segunda-feira a bolsa portuguesa fechou em alta, recuperando 0,25 por cento para os 11.032,30 pontos.

Meia hora após o início da sessão a Euronext Lisboa mantinha a tendência negativa em linha com as congéneres europeias, todas a negociar no vermelho com perdas a oscilar entre os 0,50 por cento de Frankfurt e os 1,05 por cento de Paris.

Em Lisboa, o índice PSI20 recuava 0,61 por cento.

Às 8h30, o índice Euronext 100 estava a negociar em baixa de 0,88 por cento, nos 906,09 pontos, enquanto o DJ Stoxx 50 caía 0,62 por cento para 3.285,04 pontos.

Os mercados bolsistas descem na Europa e na Ásia, penalizados por uma deterioração das perspectivas de lucros das empresas, em consequência dos preços recordes da energia e da persistência das turbulências financeiras.

O grupo Air France-KLM e a companhia aérea de baixos custos Ryanair recuavam com o barril de crude a negociar acima dos 127 dólares.

O grupo aeronáutico europeu EADS e a Solvay estavam a cair após uma recomendação da UBS de venda das acções de ambos.

Na Euronext Lisboa, em que praticamente todos os títulos estavam no vermelho, a Sonae.com liderava as perdas com um recuo de 1,94 por cento para 2,27 euros, seguida da Brisa, em baixa de 1,71 por cento, e da Altri, a ceder 1,64 por cento.

Título mais transaccionado, a EDP seguia a recuar 0,24 por cento para 4,08 euros, enquanto a PT Telecom, outro papel de maior ponderação no PSI 20, deslizava 0,06 por cento para 8,04 euros.

O banco BCP era o segundo título mais transaccionado e recuava 1,17 por cento para 1,69 euros, enquanto o BPI cedia 1,15 por cento para 3,44 euros.

 O banco BES perdia por seu lado 0,37 por cento para 12,21 euros.