Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

BCE avisa para segunda vaga de prejuízos na banca

O Banco Central Europeu (BCE) estima que as perdas adicionais a reportar, derivadas das jogadas financeiras da banca europeia durante o período anterior ao rebentar da crise, vão ascender a mais €195 mil milhões até final de 2011.

Jorge Nascimento Rodrigues (www.expresso.pt)

<#comment comment="[if gte mso 9]> Normal 0 21 false false false PT X-NONE X-NONE MicrosoftInternetExplorer4 <#comment comment="[if gte mso 9]> <#comment comment=" /* Font Definitions */ @font-face {font-family:"Cambria Math"; panose-1:2 4 5 3 5 4 6 3 2 4; mso-font-charset:0; mso-generic-font-family:roman; mso-font-pitch:variable; mso-font-signature:-1610611985 1107304683 0 0 415 0;} @font-face {font-family:Calibri; panose-1:2 15 5 2 2 2 4 3 2 4; mso-font-charset:0; mso-generic-font-family:swiss; mso-font-pitch:variable; mso-font-signature:-520092929 1073786111 9 0 415 0;} /* Style Definitions */ p.MsoNormal, li.MsoNormal, div.MsoNormal {mso-style-unhide:no; mso-style-qformat:yes; mso-style-parent:""; margin-top:0cm; margin-right:0cm; margin-bottom:10.0pt; margin-left:0cm; line-height:115%; mso-pagination:widow-orphan; font-size:11.0pt; font-family:"Calibri","sans-serif"; mso-fareast-font-family:Calibri; mso-bidi-font-family:"Times New Roman"; mso-fareast-language:EN-US;} .MsoChpDefault {mso-style-type:export-only; mso-default-props:yes; font-size:10.0pt; mso-ansi-font-size:10.0pt; mso-bidi-font-size:10.0pt; mso-ascii-font-family:Calibri; mso-fareast-font-family:Calibri; mso-hansi-font-family:Calibri;} @page Section1 {size:612.0pt 792.0pt; margin:70.85pt 3.0cm 70.85pt 3.0cm; mso-header-margin:36.0pt; mso-footer-margin:36.0pt; mso-paper-source:0;} div.Section1 {page:Section1;} "> <#comment comment="[if gte mso 10]>

A "boa" moeda do Banco Central Europeu (BCE) vai continuar a cobrir a "má" financeirização da banca da zona euro até pelo menos final de 2011. Os colaterais da crise financeira vão continuar a atormentar o sistema bancário do espaço da moeda única.

O relatório sobre "estabilidade financeira" realizado pelo banco central europeu, divulgado esta semana, adverte que a banca da zona euro vai ter de criar provisões para mais €195 mil milhões de perdas nos próximos 18 meses derivadas de crédito mal parado e menos valias.

Este montante vai adicionar-se aos €238 mil milhões já registados durante 2009.

Bolsas de vulnerabilidade

Esta "má" herança da financeirização extrema desenvolvida na zona euro é uma das "bolsas de vulnerabilidade" actuais a que o relatório do BCE se refere, a par da situação muito preocupante que se está a desenvolver, também, nas economias do leste europeu (membros da União Europeia e na sua vizinhança) e da continuação da saga da crise da dívida soberana e da sustentabilidade das finanças públicas em vários países membros do espaço da moeda única.

Esta situação na banca da zona euro é mais um dos elementos de risco que poderá ter um efeito de contágio negativo agravando a debilidade das perspectivas de crescimento até 2012.