Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Norberto Rosa troca o BCP pela Associação Portuguesa de Bancos

O ex-administrador da CGD e quadro do Banco de Portugal tinha sido convidado para presidir à Comissão de Auditoria do BCP, mas renunciou ao cargo por este ser incompatível com as funções que vai desempenhar na Associação Portuguesa de Bancos

Norberto Rosa já não vai ocupar o cargo de presidente da Comissão de Auditoria do BCP. O facto de ter aceitado o convite para o cargo de Secretário-Geral da Associação Portuguesa de Bancos (APB) constitui uma incompatibilidade e por isso impede-o de acumular as duas funções.

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) , o BCP refere que como no âmbito do cargo na APB, Norberto Rosa irá "atender aos interesses do sector bancário como um todo", isso é incompativel "com o desempenho das funções de membro não executivo do Conselho de Administração do BCP". Por isso, Norberto Rosa renunciou ao mesmo. Neste âmbito, cai também o pedido de autorização junto do Banco Central Europeu (BCE) para o exercicio das funções de administrador não executivo do banco liderado por Miguel Maya.

Recorde-se que Norberto Rosa era o único membro da administração a quem faltava, desde maio, luz verde do supervisor europeu.

Norberto Rosa saiu da administração da Caixa Geral de Depósitos em 2016 e tinha regressado aos quadros do Banco de Portugal.