Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Empresário tailandês compra revista Fortune por 132 milhões de euros

A procura pela informação financeira de qualidade está a crescer, justifica o empresário.

A revista Fortune vai ter um dono tailandês. O negócio é de 150 milhões de dólares (132 milhões de euros).

Foi o conglomerado de media Meredith, dono da revista americana, que anunciou sexta-feira ter fechado o negócio com o empresário tailandês Chatchaval Jiaravanon. O empresário gere um grupo que opera nos media e o seu desígnio "é apostar na digitalização, no jornalismo de qualidade e na expansão geográfica” para tornar a Fortune relevante no mundo.

Fundada em plena Grande Depressão (1930), A Fortune tornou-se uma das revistas de maior influência entre a elite dos negócios e pelos rankings anuais que publica.

Procura em crescimento

“Queremos fazer da Fortune uma marca líder dos media mundiais, com alcance permanente e relevância global”, refere o comunicado do empresário tailandês. A justificação do negócio "está no crescimento da procura pela informação financeira de qualidade".

Chatchaval Jiaravanon tem negócios em várias áreas, em especial no setor das telecomunicações.

A transação terá ainda de ser aprovada pelos reguladores americanos. O dossié estará encerrado até ao fim de 2018.

Com 12500 empregados e 1,8 mil milhões de euros de receita, a Meredith Corporation tornou-se, após a aquisição da Times, a maior empresas de revistas. O seu valor em bolsa é de 2,5 mil milhões de dólares (2,1 mil milhões de euros)