Siga-nos

Perfil

Economia

Economia

Bolsa. Os resultados contam. EDP perde, BCP ganha

Cinco cotadas, entre 18, do PSI-20 apresentaram resultados na quinta-feira. Esta manhã apresentam desempenhos diferentes

Na bolsa, às vezes os resultados contam. Das cinco cotadas do PSI-20 que ontem apresentaram resultados trimestrais, BCP é quem mais brilha (1%) na sessão desta sexta-feira. E a Sonae Capital, que agravou os prejuízos no trimestre, a que mais desliza (3,3%). Mas, a EDP não escapa às descidas (2,1%) e pelo seu peso no índice contribui para a descida do PSI.

A Nos, que apresentou resultados em linha com o esperado regista uma desvalorização pequena (0,40%) enquanto a REN está em modo de subida (0,80%.

A EDP apresentou resultados trimestrais dececionantes, penalizados por uma provisão excecional de 285 milhões de euros. O lucro operacional caiu para metade e os investidores não apreciaram o desempenho. E castigam a ação da empresa.

Nos últimos 12 meses a cotação da EDP moveu-se num intervalo entre 2,63 e 3,54 euros. Esta sexta-feira transaciona a 3,11 euros.

Em contrapartida, a EDP Renováveis negoceia esta sexta-feira em modo de subida, valorizando 1,15%.

Já os resultados do BCP agradaram aos investidores. O banco multiplicou por 2,5 o seu lucro trimestral, reduziu as imparidades e consolidou a trajetória ascendente da margem financeira (365 milhões no trimestre). E anunciou que a sua base de clientes conta com mais 294 mil membros. Os investidores premeiam o banco que, no acumulado de 2018 regista uma perda de 8%.